23 de jan de 2012

Ato de apoio ao Pinheirinho em Porto Alegre

Por: Fernanda Khalil e Matheus "Gordo"

O forte sol do meio dia não impediu que cerca de 150 pessoas estivessem presentes no ato que ocorreu hoje, em Porto Alegre, na Esquina Democrática em apoio ao Pinheirinho. O protesto contou com a presença de organizações sindicais tais como CSP-Conlutas, Intersindical, CPERS, SIMPA, SINTECT, FASUBRA, SINDPPD e várias entidades estudantis como os DCE’s da UFRGS, USP e UFRJ, Grêmio do Julinho, ANEL  e a Oposição de Esquerda da UNE que prestaram solidariedade aos moradores e repúdio ao governos do Estado de SP e à prefeitura de São José dos Campos, ambos do PSDB, devido à sua ordem de desocupação do terreno que abriga mais de mil famílias de trabalhadores e trabalhadoras.

A forte presença do movimento popular foi uma demonstração importante da rede de solidariedade que cresce país afora. Os quilombolas da Família Silva, o primeiro quilombo urbano titulado no Brasil, estiveram presentes prestando o seu apoio assim como os moradores da ocupação popular Utopia e Luta. Além disso, o ato contou com a presença de integrantes dos comitês populares da Copa, da Frente Nacional em defesa dos territórios quilombolas, movimento anarquista e diversos ativistas que estão chegando à capital para participar do Fórum Social Temático que inicia amanhã.

A ordem de desocupação do Pinheirinho, efetuada pela Polícia Militar, acompanhada pela Justiça Estadual de SP e sob ordem do governador Geraldo Alckimin, se deu de forma totalmente violenta, com ataques de gás lacrimogêneo, helicópteros jorrando spray pimenta sobre a população do local, balas de borracha e resultou em mortes de inocentes – entre elas a de uma criança de 3 anos.

Faixas e cartazes com diversos dizeres que expunham a revolta causada pela reintegração de posse do Pinheirinho caracterizaram o ato de hoje em Porto Alegre, que foi convocado também pelo Facebook e teve apoio de diversas pessoas que passavam pelo local. Em Porto Alegre e região existem grandes ocupações populares como o Guajuviras em Canoas e as Cohabs Rubem Berta e Cavalhada.

O movimento de apoio seguirá firme aqui e no resto do país, tendo debates e manifestações já programados a serem realizados durante o Fórum Social Temático.

SEGUIREMOS NA LUTA!
SOMOS TODOS PINHEIRINHO!












Nenhum comentário :

Postar um comentário

Deixe sua opinião! O PSTU Gaúcho agradece sua participação.