16 de jun de 2010

FORA YEDA E DCE DA UFRGS

Estudantes protestam contra DCE da UFRGS e governo Yeda em Porto Alegre

Oposição alega comando do órgão por suposto caso de corrupção

Cerca de 100 manifestantes protestam em frente ao Salão de Atos da UFRGS no início da tarde desta quarta-feira. Os oposicionistas tentam derrubar o comando do órgão por suposto caso de corrupção. A manifestação acontece durante o seminário Liberdade e Democracia no Século XXI, Um Desafio de Todos, que prevê a participação da governadora Yeda Crusius, previsto para esta tarde.

Com faixas e cartazes de "Fora Yeda" e "Fora DCE", os estudantes entoam gritos de "Fora ladrão" ao som de vuvuzelas. A mobilização reforça o ato contra à atual gestão do Diretório Central dos Estudantes (DCE) da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Um forte esquema de segurança foi deslocado para o local.

Conforme um dos líderes do Movimento de oposição o universitário Rodolfo Mohr, o protesto ocorrerá durante todo o evento.

— Estamos aqui hoje para denunciar o DCE pelos cinco mil que eles roubaram e também para protestar contra o governo Yeda — denuncia.

A revolta dos estudantes aconteceu depois da divulgação do ex-advogado do DCE Régis Coimbra de um suposto desvio de R$ 5 mil para pagamento de dívidas de campanha na última eleição da entidade.

Na segunda-feira, o advogado do DCE, André Luiz Kipper, confirmou que entrará com ação para anular a formação da Comissão Estudantil de Investigação (CEI), criada para apurar o caso.

O atual presidente do DCE, Renan Pretto, nega as acusações dos manifestantes.
– A manifestação não vai tirar o brilho do evento


Fonte: ClicRBS
Texto: Juliana Bublitz
Fotos: Play

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Deixe sua opinião! O PSTU Gaúcho agradece sua participação.