18 de jun de 2010

Fora Yeda e DCE da UFRGS

Políbio Braga tire a “tarja” do meu rosto!



Prezado Políbio Braga,

Após receber o aviso de um amigo muito querido, nesta quinta-feira (17), acessei o seu blog e me deparei com uma das críticas mais infelizes que já li a respeito dos movimentos sociais.

Como a democracia conquistada com muita luta e mobilização do nosso povo permite o debate de idéias, gostaria de expor minha opinião sobre seu comentário, já que a minha imagem foi subsídio para sua elaboração.

Considero uma falta de responsabilidade sua postura em divulgar algo inverídico, no caso, a presença do que chamou de "crianças" na manifestação em frente à reitoria da UFRGS. Como o senhor deve saber, é considerada criança um ser humano quando têm entre dezoito meses até oito anos de idade. Desconheço a presença de crianças em manifestações do movimento estudantil e principalmente no ato referido. A própria fotografia, reproduzida em seu blog, desmente a sua versão.

Como não sou ingênua, sei que sua critica tem como objetivo atacar os movimentos sociais e principalmente o movimento estudantil que foi vanguarda na campanha pelo Fora Yeda. É uma política consciente de distorcer os fatos para criminalizar os movimentos sociais.

A citação automática ao MST, movimento social legitimo do campo, e que não teve participação na construção da referida manifestação é a prova mais cabal disso. O desrespeito e o ataque aos partidos de esquerda como o PSTU, PSOL e PCdoB demonstra sua opção ideológica.

Na ansiedade de defender seus aliados políticos, o senhor falta com a verdade e empobrece o debate político que existe na sociedade e que foi estabelecido dentro das regras democráticas. Sua analogia é repugnante e politicamente pobre. Se for verdade, que a torcida da Coréia do Norte é a expressão de todos os adjetivos utilizados em seu comentário, gostaria de afirmar que sua linha de raciocínio para defender a governadora Yeda Crusius (PSDB) lhe garantiu um ingresso para estar nesta torcida.

Os estudantes presentes no ato desta quarta-feira eram sim estudantes universitários. E se tivesse qualquer jovem do colégio “Julinho”, no qual fui estudante com muito orgulho, isso seria perfeitamente legítimo uma vez que a governadora Yeda Crusius aplicou inúmeros ataques à educação pública e os estudantes secundaristas.

Mas pedir para o senhor concordar com a nossa pauta de reivindicações já seria um exagero, apenas queremos respeito e que a verdade dos fatos seja preservada.

Por último, sendo uma das estudantes que teve o rosto "protegido" na foto divulgada em seu blog, gostaria de me apresentar: Muito prazer, meu nome é Jéssica Nucci - 21 anos, Estudante de Geografia da UFRGS, integrante da Direção Estadual do PSTU e pré-candidata a Deputada Federal em 2010.

Atenciosamente,

Jéssica Nucci
18/06/2010

Link do Blog do Políbio Braga: http://polibiobraga.blogspot.com/2010/06/na-ufrgs-criancas-imberbes-lideram.html

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Deixe sua opinião! O PSTU Gaúcho agradece sua participação.