20 de jul de 2010

Derrotar o Governo Yeda e seus aliados!


O Governo Yeda foi péssimo para os trabalhadores. Atacou os direitos dos servidores públicos e quer alterar o Plano de Carreiras; Fez o déficit zero através do corte de investimentos na saúde e educação; Tem uma política de repressão aos movimentos sociais; Defende a privatização do morro Santa Teresa e a privatização dos presídios; É um governo metido em casos de corrupção. Este projeto não pode continuar. Temos que derrotar o Governo Yeda (PSDB) e seus aliados como o PMDB de Fogaça que defendeu este governo até o último minuto e agora se apresenta como algo diferente.

Quase 30% dos gaúchos vivem na pobreza
A pobreza ainda é muito grande. A maioria são mulheres e negros/negras. Segundo os dados divulgados recentemente, 19,5% da população vive na pobreza absoluta, recebem apenas R$ 255,00 mensalmente. Além disso, 6% dos gaúchos vivem na pobreza extrema - com apenas R$ 127,00 mensais - não podendo ter acesso a saúde, educação, emprego, saneamento básico, habitação e uma alimentação digna.

Para mudar essa realidade é preciso acabar com o lucro e ganância das grandes empresas, combatendo a sonegação de impostos e acabando com “renúncia fiscal” do Estado através do FUNDOPEM. Suspender o pagamento da dívida do Estado com a União – que consome mais de 18% do orçamento – e Implantar o imposto progressivo, fazendo com os ricos paguem mais impostos e os trabalhadores menos.

Precisamos mudar, mas Tarso (PT) não é alternativa
12 anos se passaram e os três partidos, dos principais candidatos, já governaram o Rio Grande. Existe uma falsa polarização que está a serviço da manutenção dos projetos de reformas do Estado, como defende a burguesia, através da Agenda 2020. Eles já estão preparando um Reforma da Previdência, Reforma do plano de carreiras dos servidores e aumento das privatizações, através das PPPs. A prova disto é que o próprio Tarso (PT) defende a meritocracia no serviço público.

A situação que vive o nosso povo é fruto de um projeto político que até agora não foi interrompido. Todos os partidos que passaram no governo não mudaram a lógica de governar a serviço dos interesses das grandes empresas.

Para mudar o Rio Grande, precisamos construir um governo socialista dos trabalhadores que enfrente os poderosos para acabar com o déficit social de nosso povo. Fortaleça esta idéia, vote em Julio Flores para Governador, vote 16.




Nenhum comentário :

Postar um comentário

Deixe sua opinião! O PSTU Gaúcho agradece sua participação.