11 de jun de 2015

FORA BASEGIO (PDT) E TODOS OS CORRUPTOS E CORRUPTORES!


Nota do PSTU Passo Fundo/RS sobre escândalo de extorsão, nepotismo e corrupção.



O escandaloso esquema de extorsão envolvendo o Deputado Estadual Diógenes Basegio [PDT], eleito por Passo Fundo e região, denunciado em rede nacional por Neuromar Gatto, antigo braço direito do deputado que participava ativamente da coleta e repasse de valores. Além de ficar com grande parte do salário dos funcionários e cargos de confiança do gabinete, o deputado Basegio recebia os valores pessoalmente, embolsava a verba indenizatória veicular (R$ 6.000,00 por mês) adulterando o odômetro, praticou nepotismo cruzado com o prefeito de Porto Alegre, José Fortunatti, também do PDT na época, para beneficiar sua esposa Regina Becker (PDT). Em Passo Fundo, foi acusado de manter casa de apoio com fins eleitoreiros, prática comum entre vários deputados estaduais. 

Prossegue o denunciante afirmando que os funcionários do gabinete eram orientados por ele, com o consentimento do deputado ladrão, a simularem utilização de combustíveis até o limite do valor integral da verba destinada nesta rubrica - R$ 2.500,00 por mês. Por fim, existiam no gabinete do Deputado funcionários fantasmas. Obviamente que o salário dos funcionários fantasmas era desviado para o Deputado Basegio. Uma soma incalculável de recursos públicos pode ter ido parar nas mãos do Deputado Basegio e de seu partido PDT. Isso num País e Estado, onde quase 50% da população vivem com até um salário-mínimo. 

Num País e Estado historicamente campeão em assassinatos nos conflitos pela terra. O político corrupto é um assassino silencioso. Ao desviar verbas públicas condena a morte milhares de brasileiros, pois os recursos roubados deveriam ser investidos na saúde, educação, transporte, moradia e segurança pública. Nenhuma confiança na democracia dos ricos Esse escândalo de corrupção, contudo, não é o primeiro e nem será o último em nosso país e Estado. Na última década fomos obrigados a presenciar inúmeros escândalos de corrupção envolvendo praticamente parlamentares de todos os partidos tradicionais burgueses [PT, PSDB, PP, PMDB, PTB, DEM, PR, PSB, PDT e um longo etc]. Lembramos alguns: Empresa de Correios e Telégrafos [2005]; Caso do caseiro Francenildo [2006]; Ambulâncias sanguessugas [2006]; Mensalão [2005]; Lava-Jato [2015]. A grande maioria dos envolvidos está solto e rindo da cara do povo. Não podemos confiar nas investigações da Justiça burguesa ou em CPI´s comandadas por deputados que não merecem nossa confiança. A corrupção é um câncer do sistema capitalista. Nesse sistema não há fronteiras entre o público e o privado. Os ricos controlam o poder, a economia e a justiça. A corrupção é uma prática que aprofunda a miséria e a desigualdade social. Só os patrões se beneficiam com ela. 

CHEGA DE ROUBALHEIRA!

O PSTU chama os trabalhadores e os movimentos sociais de todo o Rio Grande do Sul a protestar contra a corrupção na Assembleia Legislativa e exigir a quebra do sigilo fiscal, bancário e telefônico de todos os envolvidos. Exigimos a cassação, prisão e confisco dos bens de corruptos e corruptores. Somente com nossa mobilização permanente contra esse regime podre poderemos acabar com a impunidade e impedir que os políticos corruptos sigam no poder desviando o dinheiro público em proveito próprio. 

PRISÃO E CONFISCO DE BENS DE BASEGIO E TODOS CORRUPTOS E CORRUPTORES
FIM DOS PRIVILÉGIOS POLÍTICOS
FIM DO SIGILO BANCÁRIO E FISCAL
MANDATOS REVOGÁVEIS


Passo Fundo, 11 de junho de 2015.
Diretório Regional do PSTU Passo Fundo/RS.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Deixe sua opinião! O PSTU Gaúcho agradece sua participação.